Presépio natural e artesanal da Praça XV será inaugurado nesta quinta (13)

Praça XV
Foto: Divulgação

Este ano o presépio recebe dos tradicionais tecidos, as chitas portuguesas, o colorido quente das flores tropicais do Brasil, além do tradicional uso dos materiais artesanais e naturais como conchas, sementes, fibras, barba de velho e folhas de palmeira, tudo compondo uma sinfonia plástica na Praça XV de Novembro, em frente ao belo Palácio Cruz e Sousa.
Continua este sendo o único presépio, que se tem notícia, a mostrar o passado do Menino Jesus numa humilde manjedoura e o futuro dele, como um Rei vindo sentado num trono muito em breve como anunciam as Escrituras Sagradas.

História

Foi em 1973 quando Franklin Cascaes, Professor Historiador e artista plástico, incentivado pelo museólogo Gelci José Coelho – Peninha, que viu em seu mestre o potencial e a sensibilidade mesclados com o amor pela Ilha de Santa Catarina, o encorajou a criar um presépio que causasse admiração e espanto na capital.

O sucesso se repete até os dias de hoje completando 45 anos de história, sendo que há 25 anos está sob a responsabilidade do artista plástico e mestre presepista Jone Cezar Araújo, que mergulhou de cabeça na arte presepista, trazendo para o Brasil cinco prêmios internacionais obtidos da Federação Universal dos Amigos do Presépio, a UN-FOE-PRAE, com sede na Alemanha.

O projeto é patrocinado pela Prefeitura Municipal de Florianópolis através da Lei de Incentivo à Cultura por meio da Fundação Cultural de Florianópolis Franklin Cascaes e Secretaria de Cultura, Esporte e Juventude, com o apoio cultural da Eletrosul.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *